rpgvale
1599924783602205
Loading...

Dicas de Mestre: Como evitar conflitos entre jogadores

A sessão já estava indo mal, então os jogadores discordam de algo em meta-jogo, os dois levantam...


A sessão já estava indo mal, então os jogadores discordam de algo em meta-jogo, os dois levantam e começam uma discussão acalorada. Ninguém sabe como, mas a conversa se tornou um assunto completamente diferente de RPG, os dois estão raivosamente jogando acusações um contra o outro, era para ser uma mesa de Savage Worlds, mas agora virou um campo de guerra entre quem gostou ou não do episódio VII de Star Wars...

Todo jogador de RPG tem um perfil, isso é bom, pois significa que cada sessão de RPG será única. Infelizmente isso também significa que atritos entre jogadores é algo inevitável em alguns casos, mas contornável em muitos deles. As vezes os conflitos são algo completamente natural, sobre uma regra, uma ação, ou então algo completamente absurdo de ter iniciado em meio a uma sessão de RPG, como decidir qual é a melhor, Marvel ou DC.

Que tal algumas dicas? Vai por mim, não vai doer, talvez até ajude você!

Não dê pitaco nas decisões alheias!


Uma coisa que causa muita briga em mesas de RPG são as ações que alguns personagens tomam. Se um jogador pensa de forma diferente de você, lembre que ele pode ter uma visão diferente da sua sobre o que ele esta fazendo ali. O que me leva a uma pergunta para os mestres...



Qual o objetivo dos jogadores?



Esta pergunta parece ser algo trivial e básico, mas maioria das mesas de RPG esquece de incluir ela na hora de criar os personagens. Alguns jogadores estão sentados a mesa para participar de uma história épica que possam no futuro contar a outros jogadores, já outros jogadores estão apenas interessados em maximizar o poder de seus personagens...e outros estão ali apenas para beber algo com os amigos e curtir o momento.


É importante saber o que seus jogadores estão esperando da mesa de RPG, isso evita frustrações que podem terminar em conflitos, portanto mestre, é importante que você pergunte a seus jogadores isso também, o que eles querem com o jogo, e também...

O que devemos jogar?


Escolher um RPG para jogar é um critério estritamente pessoal determinado pelo gosto de cada indivíduo, mas infelizmente para todos, RPG não se joga sozinho. Conversar abertamente entre jogadores e mestres na hora de escolher o que jogar é algo fundamental. Ei, jogadores, não deixem todo o trabalho de decisão para o mestre, deem seus pareceres, falem o que querem jogar, ser mestre já é trabalhoso.


Não leve tão a sério...


É importante lembrar que RPG é um jogo, que há muito de interpretação envolvida e que as pessoas estão em grais de maturidade completamente diferentes!




...mas não seja escroto.


Claro que RPG é só um jogo, mas os jogadores não!


Dentro do jogo, temas como racismo, homofobia, machismo, xenofobia e outras coisas do gênero são partes da construção de uma história, mas fora do jogo são um problema social sério. Portanto cada um de vocês deve ter consciência e evitar ser uns babacas com os outros jogadores, algo que deveria ser óbvio, mas nem sempre é, então as afirmações a seguir são fundamentais:

Tenham maturidade!


Algumas pessoas são sem noção, algumas são infantis, outras não tem paciência. Infelizmente tudo isso precisa ser superado para se viver em sociedade, queiramos ou não. Todos podem estar errados, e o pior de tudo, normalmente não temos as ferramentas para perceber isso quando alguém nos avisa que estamos errados, afinal, se tivéssemos, não estaríamos cometendo o erro.


Humildade, duas doses sem gelo!


Egos, um dos maiores males humanos. Tente moderar o seu e vai perceber que em pouco tempo as pessoas vão se tornar mais abertas ao dialogo, que muitas coisas vão começar a fazer mais sentido e que os conflitos vão ficar mais simples de serem resolvidos.


Este é um problema que já presenciei em muitas mesas, duas ou mais pessoas brigam e infelizmente não há o que se fazer, os egos das partes impedem. Se você for o mestre e não conseguir convencer seus jogadores, qualquer dia desses te pago uma bebida e ouço sua frustração, também tenho minha cota dessas para compartilhar...

Separe jogadores muito dispares.


Sim, esta é uma dica para mestres, mas também vale para jogadores. Se não há compatibilidade entre objetivos e a forma como os jogadores se divertem, talvez seja interessante montar mesas distintas, separar os grupos ou escolher algo diferente para jogar.


Algumas vezes isso ocorre, um jogador é fanático por Tarantino e o outro tem problemas com violência, nunca vai ser algo harmônico, não importa o quanto se converse ou se mude o como se joga. Quando não for possível separar, se a mesa tem um padrão e você não se adapta a ele, caso isso se torne um problema para você, saia dela, procure outro grupo, monte um grupo para você.

Foi saindo de grupos de no passado que eu pude ver a diversão em sistemas de RPG que eu passei a detestar. Talvez seu problema não seja nada mais que incompatibilidade com seu grupo.

Obvio mas complicado.

Como podem ver, em boa parte dos casos minha recomendação para evitar conflitos é dialogar como pessoas adultas e maduras, o que falando parece simples mas na prática é bem complicado.

Estabelecer filtros, praticar a paciência, mudar comportamentos, tudo isso é muito complicado de se fazer, mas é fundamental, tanto para jogar RPG, quanto para conviver em qualquer grupo. Somos humanos, seres sociáveis por natureza, dependemos disso para sobreviver, portanto praticar estes conselhos é vital de uma forma ou de outra.

Boa sorte!
Dicas de mestre 3494720000515510809

Postar um comentário

Página inicial item

Entre pra Guilda

Mais lidos da semana

Receba nossos corvos

Curso Online