rpgvale
1599924783602205
Loading...

Do combate ao roleplay : Faça de seu companheiro animal um grande aliado

Um companheiro animal não é apenas mais um personagem que estará para atacar nos momentos de combate até morrer e depois você o desca...


Um companheiro animal não é apenas mais um personagem que estará para atacar nos momentos de combate até morrer e depois você o descartara. Esta jovem criatura abençoada pelos deuses da natureza pode possuir um papel muito importante nas aventuras de seu personagem, sendo que nem sempre é fácil estar escolhendo um. Então vamos a algumas dicas de como estar fazendo essa escolha e deixar ela o mais divertido possível.

Escolhendo o companheiro animal
Acho que nem mesmo os deuses sabem responder essa pergunta, mas na maioria das vezes o lobo sempre é o animal escolhido e normalmente é usado como montaria (Warcraft feelings), por causa disso NÃO falaremos do lobo como companheiro animal... Pensando bem, falaremos sim, mas a idéia é explorar qual é o animal que mais se adéqua ao seu personagem, independente de sua classe ou raça ( não é só por que você é um elfo que deverá ter um cervo ou um v...ah...deixa pra lá). Referente a estes dois últimos elementos, eles podem estar sendo usados como influenciadores na escolha do animal , mas não precisam ser um critério obrigatório, deixarei para falar disso mais para frente.

Quando você for escolher seu companheiro animal basta imaginar qual é aquele que se adequara melhor ao estilo de seu personagem, no caso de um ladino um animal pequeno e rápido como algum roedor pode ser algo muito vantajoso, bastando imaginar aquela jóia tão cobiçada. Oras, por que você precisa ir até ela se alguém pode trazê-la para você? No caso acima a classe foi o determinante para a escolha, mas um personagem que tenha filosofia sobre liberdade, um pássaro poderia ser um companheiro perfeito não acham? Ainda que essa pessoa fosse um guerreiro carregando uma espada descomunal.



Percebe-se que muitos são os elementos que podem ser o determinador para a escolha daquele animal, permitindo fazer uma escolha sem limitações

Não gosto muito de falar de regras, mas em alguns sistemas você precisa pagar pontos para ter um companheiro animal, já que não é comum sua classe possuí-lo e as vezes deixar de comprar um poder ou uma habilidade pode não motivá-lo muito. Nessas horas é que o background de seu personagem e um pouquinho de roleplay podem ser o que irá animá-lo a  fazer esta escolha e olha que não é papo furado de bardo não! Os números contidos na ficha de seu personagem quando estão em uma relação maior com a história dele deixa aquele personagem mais divertido de se jogar, por que naquele monte de números e anotações você enxerga aquele herói, que viveu e possui tudo aquilo ( acho que essa parte da outra matéria) que conquistou no passado e aquele animal que tem acompanhou desde infância também pode estar incluso, ganhando a mesma importância como a de uma espada mágica.

A parte da prática da coisa toda

Deixemos um pouco de lado os motivos para possuir estas criaturas e vamos mostrar como esse aliado pode ajudá-lo em grande parte das situações que você pode encontrar em suas aventuras. Agora sim usaremos o lobo como exemplo ( mas só dessa vez), sendo que a classe perfeita para isso são os caçadores (rangers). Vamos imaginar a seguinte situação descrita abaixo:

"Você e seu grupo estão em uma floresta e avistam um bom número de orcs acompanhados de uma mulher que se mostra ser uma prisioneira, sendo que ela aparenta ser a pessoa que foram pagos para resgatar, entretanto eles estão em um bom número e caso não tomem cuidado vocês poderão morrer em suas mãos"

Se você que gosta de usar mago gritou BOLA DE FOGO e assustou quem estava perto de você, pode se acalmar e vamos deixar o ranger e seu companheiro animal tomarem a cena. Em uma situação dessas o caçador pode preparar algumas armadilhas contando com a ajuda do ladino, mas e qual seria o papel do lobo nessas horas? Ele poderia ser usado como artífice para atrair os orcs para a armadilha, afinal que orc resiste a carne de um belo lobo? Com isso, um bom número de inimigos sairia do caminho do restante do grupo, que poderia conseguir resgatar a jovem moça e garantir a aventura do dia. 


Esse exemplo poderia ainda ser intensificado, sabe aquele mago que queria sair destruindo tudo com suas magias massivas? Este jovem e inteligente arcano poderia usar seu nobre corvo e através dele conjurar uma magia para poder enxergar tudo o que ele vê e então mandá-lo sobrevoar a região, podendo descobrir quantos inimigos existem e suas posições, o que permitira o grupo trazer um belo plano de ataque e resgate com maior eficácia.

Partindo do combate para as cenas de interpretação, vamos para a taverna, o lugar aonde os bardos adoram contar suas histórias e guerreiros gostam de desfrutar de belas cervejas. Imagine que aqui está àquela pessoa que vocês precisam convencer a entregar alguma informação e somente através da fala vocês conseguiram isso (está certo que levá-lo para um canto e quebrar seus braços poderia resolver o problema, mas deixemos o roleplay mandar). Provavelmente haverá muita interpretação e com um bom número nos dados tudo se revolverá. Pense agora em pequeno morcego voando sobre os cantos escuros do teto e que poderia "acidentalmente" derrubar algo na bebida do alvo, o fazendo falar rapidamente o que precisa ser descoberto, poupando tempo e evitando problemas.

Muitas são as situações em podemos mostrar como essas criaturas podem nos ajudar, mas acima de tudo é usá-los para garantir a sua diversão na mesa de rpg. E vocês teriam alguma sugestão para dar aos outros roleplayers?

Rpg 2607663312186349720
Página inicial item

Entre pra Guilda

Mais lidos da semana

Receba nossos corvos