RPG e redes sociais

Não é de hoje que todo mundo anda falando de twitter e outros sites de redes sociais, tá na hora da gente discutir o impacto disso no nosso jogo favorito.

Pra isso é importante deixar bem claro o que é uma rede social. Em termos bem práticos uma rede scial é simplesmente um conjunto e indivíduos interligados por algum laço social. Este laço pode ser ocasionado de alguma situação como estudar juntos ou por um encontro mais esporádico como um campeonato de cardgame. Sendo assim o Orkut, facebook ou o Bejrpg não passam de sites aonde estão representadas essas redes.

No caso do RPG nossa rede é conhecida também como “Grupo”, pois estamos sempre interagindo com as mesmas pessoas e criando laços fortes entre elas. Algumas vezes outras aparecem e agregam ao grupo também.


É certo que um grupo social tende a se proteger e a bloquear o acesso a grupos diferentes, isso vem acontecer sobre a forma dos sistemas conhecidos como D&D, GURPS e etc.
O real impacto dessas ferramentas no ambiente de jogo é a facilidade de comunicação e o fim das barreiras geográficas para os grupos.
As interações mediadas pelo computador podem ser tão interessantes quanto uma relação ao vivo. Lógico, que uma hora existe a necessidade de que essa interação, inclusive de jogo, ultrapasse as fronteiras da internet para que ela tenha uma qualidade maior.
Você pode utilizar todo o potencial de comunicação de uma rede para fortalecer o seu grupo com um blog, criando mais pontos de contato com a sua história com o twitter e também facilitando o acesso as informações para o jogo. Só não deixe isso tomar conta da sua vida off line. Se quizer saber quais as melhores ferramentas para cada situação do seu jogo não deixe de ler nosso post sobre ARGs e RPG.
Share on Google Plus

About Ale Santos

Storyteller, escritor de SCIFI,  Dark Fantasy e Designer de Narrativas para Board Games.  Um dos autores da Storytellers Brand'nFiction.  Editor do premiado blog RPG Vale, conhecido como @O_RPGista 
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 disqus:

Postar um comentário