Games me fizeram matar meus pais



Esta foi a afirmação de Hu Ange, um chinês de 22 anos que mora na província de Shichuan, fez para alegar insanidade no processo que ele enfrenta por ter envenenado os pais e pego o dinheiro deles para gastar em games online.

Em março de 2007 os pais dele deram cerca de 7 mil Dólares para que Hu gastasse em sua empresa de pescados. O dinheiro foi todo gasto em um jogo chamado Legend. Em julho o cara comprou 20 pacotes de tetramina (uma espécie de raticida) e envenenou o pai na manhã seguinte. Graças ao socorro médico ele foi salvo.

Hu pode não ser brasileiro, mas não desiste pois no dia 20 do mesmo mês comprou mais 45 pacotes do mesmo veneno e serviu misturado na comida dos pais no dia 24, matando ambos. Ele nem mesmo ouviu os gritos de socorro da mãe porque estava no quarto jogando Legend.

A China acaba de declarar o vício em internet como um distúrbio mental, agora vem mais um querendo colocar a culpa dos seus problemas nos games. Isso só faz sujar a imagem de quem gosta apenas de jogar. Simplesmente lamentável.

Fonte: www.pipocadebits.blogspot.com
Share on Google Plus

About Ale Santos

Storyteller, escritor de SCIFI,  Dark Fantasy e Designer de Narrativas para Board Games.  Um dos autores da Storytellers Brand'nFiction.  Editor do premiado blog RPG Vale, conhecido como @O_RPGista 
    Blogger Comment
    Facebook Comment

3 disqus:

  1. Fico pensando naquelas pessoas que passam a semana inteira rezando para o final de semana chegar para "irem para a balada", ou naquelas que só falam de sexo ou como fulano ou ciclano estavam... Que taxam aqueles que não fazem os rituais "sociais" como Nerds ou deslocados, que acham que todo mundo tem de seguir um padrão e quem não segue é retardado ou é visto com maus olhos... me recordo bem de uma vez ter dito a uma amiga minha que curtia muito musica de jogos ela disse que era coisa de criança, que eu deveria escutar musica "verdadeira"... ok... passado um tempo, estava eu ouvindo a musica da personagem Terra de FFVI e coloquei ela para ouvir, ela ficou maravilhada, e me perguntou que musica que era.. eu disse: É musica de video game....É uma tristeza como que o preconceito ataca, como que as pessoas são superficiais... gostaria de saber de alguem que ja morou no exterior, como é esta questão dos gamers lá fora em comparação com a superficialidade que enfrentamos aqui dentro... visto que o proprio rpg muitas vezes tbm sofre um preconceito tão forte quanto.... E ainda mais quando surgem pessoas como este da matéria entre outros.

    ResponderExcluir
  2. É um argumento ridículo, existem milhões e milhões de jogadores pelo mundo e só exceções acabam acusando os games, porque eles não consgeuem encontrar outro argumento racional para se defender em julgamento, quando percebem que não tem mais saída.

    ResponderExcluir
  3. Esse Legend... deve ser bom. Alguém tem o link pra download?

    XD

    ResponderExcluir